Colégio Objetivo Jaguaré - Logo Oficial Versão 1 (negativo).png

A importância de ter uma relação de confiança com seus filhos


A relação com os pais é uma das mais importantes na vida de qualquer pessoa. Assim, é fundamental que a criança nunca se sinta sem apoio ou sem amor, porque esse tipo de carência afetiva pode fazer com que ela tenha a sensação de impotência ou desamparo diante dos desafios da vida.


Dessa forma, o bom relacionamento deve ter início antes mesmo do nascimento do bebê e continuar assim pelos próximos anos. Nesse sentido, é preciso considerar que é a partir das relações com a família que a criança aprende a se relacionar com as outras pessoas e a entender sua própria autoestima.


Assim, quando a criança tiver filhos, eles também serão muito amados. Da mesma forma, o jovem será capaz de construir relações saudáveis com as outras pessoas ao longo de sua vida.


Um bom relacionamento entre pais e filhos, portanto, é fundamental para a criança crescer com segurança, confiança e autonomia. Dessa maneira, ela aprende a ter respeito ao próximo e a identificar o que realmente importa. Além disso, a relação familiar vai influenciar diretamente os valores das próximas gerações.


Possíveis dificuldades na relação entre pais e filhos

A maioria dos conflitos que surgem na relação entre pais e filhos tem origem na falta de comunicação dentro de casa.


De um lado, os filhos, principalmente na adolescência, geralmente pensam que os pais só querem impor regras e proibir. Do outro lado, os pais podem pensar que os filhos só querem permissões. Quando, no final das contas, os conflitos só escondem uma verdade: a necessidade de querer ser amado pelo outro.


Cada fase tem as suas peculiaridades, seus desafios e formas de construir e manter uma intimidade que deve perdurar pelo resto da vida.


Na infância, os pais geralmente precisam lidar com a impulsividade e a dificuldade que a criança tem de controlar emoções intensas, como a raiva. Na adolescência, a rebeldia e o desaforo dificultam uma comunicação saudável dentro de casa.


Por parte dos responsáveis, uma postura rígida, que não garante um espaço para a criança se expressar e dizer como se sente, impossibilita a criação de uma intimidade — a qual é tão necessária para os pais conhecerem seus filhos e saberem como se comunicar com eles.


Outro fator que influencia bastante a relação de pais e filhos é a ausência de tempo. A rotina de trabalho repleta de compromissos, muitas vezes, torna-se uma questão decisiva para a interação familiar.


Para superar esse problema, aproveite de maneira satisfatória cada instante juntos. Lembre-se de que estamos o tempo todo criando memórias. Por isso, priorize passeios e compromissos capazes de criar momentos agradáveis, fortalecendo o laço entre pais e filhos. Também é importante ter a consciência de que presentes não suprem a ausência de tempo.


Formas de manter um relacionamento de qualidade

Por mais que as crianças cresçam e surjam as dificuldades na relação, a confiança, o respeito e o diálogo devem estar sempre presentes na família. A partir das conversas frequentes e da manutenção do vínculo entre pais e filhos, o relacionamento poderá ser construído com base no amor e na confiança e para isso, é preciso que o cuidado seja diário.


No nosso próximo post você vai saber o que pode fazer para cultivar uma boa relação com os seus filhos. Até lá! : )

5 views0 comments

Recent Posts

See All